domingo, 11 de janeiro de 2009

A caminho dos 42.....

Pois é....mais um ano a partir do próximo dia 15 de Janeiro. 42.
42 anos plenos de alegria.
O fado da minha vida tem sido pleno. Pleno pela minha filha, pela minha família e pelos amigos e colegas que tenho tido a felicidade de conhecer.

Mais um ano natalício, mais um momento de reflexão sobre o que verdadeiramente desejamos para nós e para aqueles de quem mais gostamos.

Deu-me para este post meio lamechas depois de descobrir uma preciosidade no You Tube: uma versão da música Numb dos Linkin Park.

Atrevo-me a publicar uma tradução da letra em Português e sugiro seja lida enquanto se escuta o vídeo.

Associo a música a momentos de reflexão que todos nós temos nas nossas vidas. A pressão dos tempos pela perfeição. A pressão do consumismo, do materialismo, etc, etc, etc.
O actor que cada vez mais somos nesta merda que é o palco da vida.

Na letra, o tu, pode ser quem ou o que quiserem que seja.

video
Numb [Linkin Park]
Estou cansado de ser o que tu queres que eu seja.
Sinto-me tão sem rumo, perdido debaixo dessa aparência.
Não sei o que esperas de mim,
colocando-me sob pressão,
de me sentir como tu
(Preso no cansaço, só preso no cansaço)
Cada passo que eu dou, é outro erro para ti
(Preso no cansaço, só preso no cansaço)

Refrão
Tenho me tornado tão insensível,
que não posso sentir-te aqui.
Tornei-me tão cansado, muito mais ciente.
Eu tenho-me tornado isso
e tudo o que eu quero fazer
é ser mais como eu
e menos como tu.

Não consegues ver o que me está a sufocar?
Segurando muito firme.
Com medo de perder o controle.
Porque tudo o que pensaste que seria,
desmoronou bem na tua frente.
(Preso no cansaço, só preso no cansaço)
Cada passo que dou é outro erro para ti.
(Preso no cansaço, só preso no cansaço)

E cada segundo que eu perco,
é mais do que eu posso suportar.
Eu tenho me tornado tão insensível,
que já não posso sentir-te aqui.
Tornei-me tão cansado, muito mais ciente.
Eu tenho me tornado isso
e tudo o que eu quero fazer
é ser mais como eu
e menos como tu.

E eu sei.
Eu posso terminar caindo também.
Mas eu sei.
Tu eras como eu,
até alguém te decepcionar.

Refrão
Tenho-me tornado tão insensível,
que não posso sentir-te aqui.
Tornei-me tão cansado, muito mais ciente.
Eu tenho-me tornado isso
e tudo o que eu quero fazer
é ser mais como eu
e menos como tu.

Eu tenho-me tornado tão insensível,
que não posso sentir-te aqui
[estou cansado de ser o que tu queres que eu seja]
Eu tenho-me tornado tão insensível.
Eu não posso sentir-te aqui.
[estou cansado de ser o que tu queres que eu seja]

Numb (tradução)
Linkin Park
Compositores: Mike Shinoda / Chester Bennington


Versão original tocada pelos Linkin Park aquando da sua passagem pelo Rock in Rio em 2008:

video

Sem comentários: